Posts tagged ‘rádio’

Você acredita no poder do rádio?

radio

Nós estamos em um momento virtual tão bom e tão presente que fica difícil imaginar um dos meios de comunicação mais antigos sendo considerado o de maior credibilidade segundo pesquisa de mídia encomendada pelo Grupo Máquina ao Instituto Vox Populi.

Pois foi o rádio o grande vencedor, desbancando sites de notícias, revistas e jornais.

“Em uma escala de 1 a 10, o rádio conquistou a maior nota média entre os conceitos de avaliação de credibilidade (8,21), muito pouco à frente de Internet (8,20), TV (8,12), jornal (7,99), revista (7,79) e redes sociais (7,74).”(Propmark)

O rádio hoje tem sofrido muito preconceito por parte de anunciantes, que preferem usar outras mídias para avalancarem suas vendas. É fato que o bom e velho rádio resiste a duras penas às novidades que borbulham em outros meios. Assim como falei aqui em cima, a internet hoje é a queridinha abusando de mídias sociais, sua interatividade e todo o resto que pode oferecer. Claro que o target deve ser considerado para que as ações sejam executadas, mas quem sabe o rádio ainda tenha seu charme, assim como na época de ouro com suas rádio novelas. Quem sabe criar jingles interessantes não seria uma boa opção para grudar a mensagem na cabeça do consumidor?

Acho que interessante mesmo seria se começássemos a ver as web rádios como a melhor escolha. Já que a pesquisa apresentada identificou a alta credibilidade do rádio e já que temos certeza que a internet é o meio que mais cresce nos últimos tempos, fazer o mix de seus dois pontos positivos para benefício próprio é mais do que justo. Quantos de vocês ligaram o rádio na última semana? E quantos de vocês acessaram uma web rádio hoje? Eu acredito saber a resposta.

Por isso, anunciantes do meu Brasil, saibam usar as oportunidades!

Quer saber mais sobre a pesquisa? Clique aqui!

10/11/2009 at 3:00 pm Deixe um comentário

Jingles

jingle

Entra ano e sai ano e os jingles publicitários continuam na praça. Aquelas musiquinhas que grudam na nossa cabeça e podem aparecer  em rádios, comerciais de TV, pela internet. No mercado brasileiro existem tantos cases de sucesso que eu ficaria aqui horas falando. Quem não se lembra da famosa musiquinha do Guaraná Antártica?

” …pipoca e guaraná que programa legal, só eu e você… Eu quero ver pipoca pular, pipoca com guaraná. Eu quero ver pipoca pular, pular… Sou louco por pipoca e guaraná. Antártica!”

E ainda o Rock do Ronald, o carinha legal do Mc Donald’s?

” O Rock do Ronald, dance com o Ronald, o Rock do Ronald o Ronald  Mc Donald’s.

E quem disse que não sabe completar essa frase está mentindo ou é muito novo:

” Quem disse que não dá! Na … dá!” ( claro que você sabe completar com FININVEST)

Os jingles são ótimas oportunidades para fixar a marca na mente do consumidor e fazer parte do dia-a-dia dele. Afinal, mesmo que você não seja um cliente direto, cantarolando pelas ruas outras pessoas poderão vir a se tornar. É um ótimo marketing boca a boca, como se diz por aí. E não é apenas uma meia dúzia de palavras que trazem ritmo que fazem uma boa publicidade. Existe muita figura de linguagem envolvida, pronta para atacar subliminarmente sua mente.  Os jingles podem e devem ser explorados, mesmo com um mundo cada vez mais cybernético.

Veja o comercial do Guaraná  Antártica e seu histórico jingle premiado, elaborado por Nizan Guanaes.

13/05/2009 at 6:33 pm 1 comentário


FOLLOW ME

Atualizações Twitter

PARCEIROS

Pense nisso:

Que marcas você quer deixar no planeta? Calcule sua Pegada Ecológica.

Bem comunicado

  • Nenhum
junho 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930